Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.

Na semana em que se comemora o Dia Internacional da Mulher, a Valónia organiza um Salão inteiramente dedicado ao livro no feminino. O evento “Elles se livrent” já soma cinco edições e procura destacar o trabalho realizado por diversas autoras belgas e estrangeiras. Este ano terá pela primeira vez Portugal como convidado de honra. No Instituto de la Vallée Bailly situado em Braine-l’Alleud, o país vai dar a conhecer a sua cultura e literatura, apresentando também diferentes obras e histórias narradas em português.

 

No salão do livro “Elles se livrent”, a mulher torna-se o centro das atenções e o tema do espetáculo, apresentando todas as formas de literatura. Durante dois dias falam-se de histórias contadas no feminino e reúne-se o trabalho de escritoras e editoras, mas também os seus leitores. Em 2018, a Namíbia foi o país convidado de honra e apresentou a sua cultura na cidade situada a poucos quilómetros de Bruxelas. Este ano é a vez de Portugal viajar até Braine-L’Alleud com vários livros femininos na bagagem.

 

Durante os dias 9 e 10 de março, o Salão irá apresentar vários elementos que preenchem a cultura portuguesa, não passando apenas pela literatura, mas percorrendo também a música e gastronomia do país à beira mar plantado. O grupo de música tradicional “SolMinho” fará uma atuação durante a quinta edição do Salão Internacional do Livro no feminino, a loja Lusoloja sediada em Schaerbeek vai apresentar alguns produtos portugueses e a biblioteca da Organização Cultural e Artística Lusófona (OCA ASBL), uma associação dedicada à promoção da cultura portuguesa em Bruxelas, também estará presente com vários livros em português para adultos e crianças.

Durante dois dias, histórias infantis serão apresentadas pela administradora cultural e social da OCA ASBL, Regina Barbosa, com atividades lúdicas de Ana Paula Faias Ambrósio, Ilustradora de livros infantis e blogger da página “Um baú colorido”. A Livraria Petite-Portugaise sediada em Bruxelas também terá o seu próprio stand. O espaço abriu as suas portas há cerca de um ano na capital da Bélgica e tem se revelado um verdadeiro sucesso. Em 2018, duas amigas radicadas em Bruxelas criaram uma Associação com o objetivo de divulgar a cultura de Camões no coração da Europa e ao mesmo tempo fundaram uma livraria na sede da organização. O espaço “La Petite Portugaise” faz jus ao nome e é efetivamente pequeno, mas reúne livros, produtos de artesanato portugueses e tem acolhido muitos encontros e debates ligados a Portugal. Todos os domingos abrem as portas e dinamizam a leitura de livros infantis em português em parceria com a Associação OCA ASBL, mas este fim-de-semana as duas associações vão viajar até Braine-L’Alleud e promover a mesma atividade no quadro do quinto Salão Internacional do Livro no feminino. 

Conheça os escritores portugueses convidados

Durante o evento vão estar presentes dois escritores portugueses cujo o percurso passou pela Diáspora. Paulo Pego é Doutor em Direito, Professor da Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra e Jurista-Linguista do Conselho da União Europeia, em Bruxelas. Publicou vários livros e artigos jurídicos. Durante a sua carreira já publicou poemas em Portugal, no Brasil, na Bélgica, na Ucrânia e no Luxemburgo, traduzindo parte da sua obra em francês, inglês, russo e espanhol. É autor do livro de poesia “À Senoite” (Bruxelas, Orfeu, 2009) e em 2010 obteve uma Menção Honrosa na 14ª edição do concurso literário “Dar Voz à Poesia”. No mesmo ano foi também o “Artista em Residência” no programa promovido pelo Município de Idanha-a-Nova. Já a escritora Dulce Rodrigues viveu um pouco por toda a Europa e foi premiada em 2013 no Hollywood Book Festival nos Estados Unidos e em concursos literários na Europa, incluindo o 2013 London Book Festival. Entre os seus livros publicados para adultos destacam-se a “Viagem a Praga no tempo da Ditadura” ou “Voo 606” e apresenta também uma extensa lista de livros infantis inspirados nas suas netas. Os dois autores estarão presentes no evento e vão dar a conhecer o seu trabalho.

O 5° Salão Internacional do livro no feminino arranca no sábado, dia 9 de Março a partir das 10h e a apresentação de Portugal como país convidado de honra está agendada para as 13h da tarde.

Gostou deste artigo? Vote, participe!
Votação do Leitor 1 Voto
9.6