Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.

O Entrudanças é um Festival de Inverno e de Carnaval que surgiu em 2000 no Alentejo para que o inverno fosse também um tempo de dançar e aprender. Com o pretexto da celebração do Entrudo, durante três dias aprendem-se danças do mundo e outros saberes ligados às tradições, à música, aos instrumentos e ao canto. Este ano os belgas do ‘Duo de Schepper-Sanczuk’ vão animar o Festival em Castro Verde com uma atuação que vai encerrar o primeiro dia do festival.

 

Évora foi durante quatro anos o palco do festival, que se repartia entre as muitas salas da SHE (Sociedade Recreativa Eborense), entre outros espaços culturais então existentes em Évora como a Casa Amater, e a Praça do Giraldo, onde terminava o desfile do último dia. Em 2004 o Entrudanças foi de corpo e alma para Entradas, vila do interior alentejano, no concelho de Castro Verde. O nome encaixou na perfeição e o festival, na sua nova localização no centro desertificado e preservado do Alentejo. O evento continuou a atrair gentes de Portugal e da Europa e, ano após ano, estreitam-se laços através do trabalho do festival que se vai desenvolvendo com a comunidade local, tocando gerações e atravessando o tempo.

 

O evento, que vai decorrer em vários locais da vila, é organizado pela PédeXumbo, uma associação para a promoção de música e dança, em parceria com a Câmara de Castro Verde e a Junta de Freguesia de Entradas. Ao longo dos três dias do festival, o público vai poder participar em oficinas, nomeadamente de danças europeias, urbanas, brasileiras ou de “bollywood”, entre outras, de gastronomia e de cante, assim como assistir a concertos de artistas “folk” portugueses e estrangeiros.

 

A banda belga ‘Duo De Schepper-Sanczuk’ vai participar este ano no festival, encerrando a primeira noite de festa. O duo belga de música folk foi criado em 2015 pela violinista Anouk Sanczuk e o guitarrista Florian De Schepper. Ambos foram criados em famílias ligadas à música e aprenderam desde muito cedo a tocar vários instrumentos. Desde miúdos que frequentam festivais e concertos de música folclórica e, por isso, decidiram mais tarde aprender a tocar esse estilo de música, criando juntos a sua primeira banda de folk. A dupla composta apenas por uma guitarra e violino já realizou vários concertos na Holanda, França, Alemanha, Polónia, Itália, Espanha e não será a primeira vez que vai atuar em Portugal. O Baile com o Duo belga de Schepper-Sanczuk arranca à meia noite, no dia 1 de março, no Salão do CRE em Castro Verde e promete aliar a música ao bom espírito da folia carnavalesca.

 

 

Gostou deste artigo? Vote, participe!
Votação do Leitor 1 Voto
9.5